Crânio ou crâneo

Na nossa Língua Portuguesa, é muito comum que as pessoas façam confusão na hora de escrever determinadas palavras. Isso porque, ao serem faladas elas aprecem de uma forma, e na verdade são escritas de outra. É o caso de crânio ou crâneo.

Apenas uma dessas expressões está correta e deve ser utilizada no seu dia a dia.

Neste post, além de aprender o correto entre crânio ou crâneo, você também verá uma série de dicas para melhorar os seus conhecimentos sobre a Língua Portuguesa. Por isso, não deixe de ler esse post até o final.

Afinal de contas qual o correto entre as expressões crânio ou crâneo?

O correto entre as expressões crânio ou crâneo é a primeira alternativa, com a letra I. a expressão crâneo com a letra E está incorreta e por isso não deve ser utilizada no seu dia a dia.

A palavra crânio é um substantivo masculino. Essa expressão é utilizada, primordialmente para indicar a cavidade óssea que protege o cérebro nos vertebrados.

Mas, ela também pode ser utilizada, no sentido figurado, para indicar uma pessoa que é extremamente inteligente, sendo sinônimo de gênio.

Confira abaixo alguns exemplos de utilização dessa expressão:

  • Felizmente o acidente não gerou nenhum dano ao crânio. O paciente só teve que levar alguns pontos mas passa bem;
  • Fulano sempre foi um crânio, desde a escola já era considerado o mais inteligente;
  • A bala atingiu o crânio então precisamos fazer uma cirurgia de emergência para evitar sequelas mais graves.

Dicas para melhorar os seus conhecimentos sobre a Língua Portuguesa

Agora que você já sabe o correto entre crânio ou crâneo, vamos dar algumas dicas para melhorar os conhecimentos sobre a Língua Portuguesa.

A primeira recomendação é que você deixe de lado os corretores automáticos. Isso porque eles não agregam em nada ao seu aprendizado, pelo contrário, só prejudicam.

Esse tipo de ferramenta corrige expressões sem explicar o porquê. Dessa forma, você continua sem aprender.

O ideal é que, ao invés desse tipo de recurso, você use aplicativos de vocabulário. Com eles, você poderá conhecer novas expressões todos os dias. Uma excelente alternativa é o VOLP, que é app oficial da Academia Brasileira de Letras.

Outra dica é que você releia os seus livros de Português do Ensino Médio. Com eles, você poderá relembrar de uma série de conhecimentos que é comum que a gente esqueça com o passar do tempo.

Além disso, sempre que puder escreva utilizando a norma culta. A escrita é um dos melhores exercícios para o cérebro, principalmente para a parte de memorização e assimilação de informações novas.

Por fim, não pare no crânio ou crâneo, continue sempre buscando por mais conhecimento.

Tem mais alguma dúvida sobre a nossa Língua Portuguesa? Então aproveite para deixa-la nos comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *