Abaixo ou a baixo

A Nossa Língua Portuguesa não é considerada uma das mais difíceis do mundo à toa. Ela é repleta de palavras que possuem grafias e sons parecidos, mas que devem ser usadas em momentos distintos. É o caso de abaixo ou a baixo.

As duas expressões existem dentro do nosso idioma, mas, devem ser aplicadas em situações especificas.

Nesse post, além de aprender como usar abaixo ou a baixo, você também verá uma série de dicas para melhorar os seus conhecimentos sobre a Língua Portuguesa. Confira!

Afinal de contas, como usar abaixo ou a baixo de forma correta?

Apesar de abaixo ou a baixo existirem na Língua Portuguesa, essas palavras devem ser usadas de maneira diferente, por conta de seus significados.

A expressão abaixo, por exemplo é um adverbio de lugar. Ela deve ser usada para indicar uma posição inferior, algo de menos importância ou um lugar menos elevado. Ela também é sinônimo de embaixo.

Confira abaixo alguns exemplos de utilização dessa expressão:

  • Vocês podem conferir as informações na tabela abaixo;
  • Hoje as temperaturas devem ficar abaixo de zero;
  • Abaixo você pode ver uma descrição completa.

Por sua vez, a expressão a baixo, separada, é formada por uma preposição e por um substantivo. Ela deve ser usada apenas para fazer relação com as expressões de alto e de cima.

Confira abaixo alguns exemplos de utilização:

  • Ele me olhou de cima a abaixo;
  • Vamos limpar essa casa de cima a baixo;
  • Ele desceu o morro de cima a baixo.

Dicas para melhorar os seus conhecimentos sobre a Língua Portuguesa

Agora que você já sabe como usar abaixo ou a baixo corretamente, vamos dar algumas dicas para melhorar os seus conhecimentos sobre a Língua Portuguesa.

A primeira delas é que você deixe de usar corretores automáticos, pois eles só prejudicam o seu aprendizado e uso do nosso idioma. Ao invés deles, prefira usar aplicativos de vocabulário para aprender novas expressões.

Nós recomendamos o VOLP, que é o aplicativo oficial da Academia Brasileira de Letras. Nele é possível conhecer todas as expressões aceitas pela entidade.

Mais uma recomendação é que você releia os seus livros de Língua Portuguesa do Ensino Fundamental e Médio. Eles te ajudarão a relembrar de vários ensinamentos que a maioria esquece ao longo do tempo.

Você também pode ler conteúdos como artigos e revistas científicas.

Além disso, tente escrever com mais frequência. A escrita é uma grande aliada do aprendizado, uma vez que estimula a memorização.

O ideal é que você escreva ao menos uma redação dissertativa-argumentativa por semana. Dessa forma, será possível colocar em prática Norma Culta, bem como melhorar sua capacidade de argumentação.

Por fim, não pare em abaixo ou a baixo. Continue sempre a buscar por mais conhecimento.

Tem mais alguma dúvida? Aproveite para deixá-la nos comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *