7 por extenso

Pode não parecer, mas muitos brasileiros não fazem ideia de como escrever o número 7 por extenso. E isso acaba sendo um grande problema.

Isso porque, em muitas situações é a grafia por extenso dos números que é cobrada. Sem falar que segundo a norma culta da Língua Portuguesa, bem como as normas ABNT, números de zero a nove devem ser escritos sempre por extenso.

Nesse post, além de aprender como escrever o número 7 por extenso corretamente, você também vera uma série de curiosidades sobre esse algoritmo.

Afinal de contas, qual a forma correta de escrever o número 7 por extenso?

A forma correta de escrever o número 7 por extenso é SETE, com a letra S. Por mais que o C e o Ç possam assumir o som de S em várias situações, esse não é o caso.

É muito importante saber como escrever esses números por extenso, tendo em vista que em vários momentos é essa grafia a cobrada. É o caso, por exemplo, do preenchimento de cheques.

Curiosidades sobre o número 7

Agora que você já sabe como escrever o número 7 por extenso, que tal ver algumas curiosidades sobre esse algoritmo.

Esse número tem toda uma simbologia divida por trás dele. Isso porque, ele aparece em várias situações. Por exemplo, segundo o cristianismo Deus criou a terra em apenas sete dias. Ainda segundo o cristianismo, esse numeral volta a aparecer quando falamos de sete pecados capitais (gula, avareza, luxúria, ira, inveja, preguiça e vaidade). Já para os egípcios, esse algoritmo representava a vida eterna.

Já os estudiosos pitagóricos consideram esse numeral o símbolo da perfeição, uma vez que ele está presente em vários aspectos da nossa vida. Por exemplo, nossa semana tem sete dias, são sete notas musicais que existem, o arco-íris é composto por sete cores.

As Leis dos Sete, também conhecidas como Leis herméticas também tem ligação com esse número. Esse conjunto de princípios de Hermes Trismegisto é que baseiam uma filosofia chamada de Hermetismo.

Essas sete leis (Lei do Mentalismo, Lei da Correspondência, Lei da Vibração, Lei da Polaridade, Lei do Ritmo, Lei do Gênero e Lei de Causa e Efeito), segundo essa filosofia, regem absolutamente tudo que existe no Universo. Desde as coisas ao nosso redor até fatos do cotidiano de outras pessoas.

Essas leis também são utilizadas como base (integralmente ou parcialmente) em religiões, outras filosofias, livros de autoajuda, culturas e etc. Provavelmente você já deve ter visto alguma delas sendo aplicada de uma forma diferenciada em vários tipos de abordagens. É o caso, por exemplo, do livro O Segredo.

Agora que você já sabe como escrever o número 7 por extenso corretamente, não deixe de continuar a buscar cada vez mais conhecimento. Tem mais alguma dúvida sobre a nossa Língua Portuguesa? Então aproveite pra deixa-la nos comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *